Blocos fazem ‘abertura não oficial do carnaval de rua’ no Centro do Rio

A pouco mais de um mês para o carnaval, a folia deu sua largada neste domingo (7) no Rio. Vários blocos se uniram no Centro para a abertura não oficial do carnaval de rua. Nem a forte chuva que caiu no fim do dia conseguiu dispersar os foliões, que seguiram a festa até tarde.

O evento ocorre antes mesmo de a Prefeitura do Rio divulgar a relação dos blocos autorizados a desfilar dentro do calendário oficial.

“É um evento de festa, mas também uma festa da resistência, pela democracia do carnaval”, disse a foliã Laura Baltar, que foi prestigiar o bloco Me Enterra na Quarta, nos jardins do Museu de Arte Moderna (MAM).

A farra começou ainda pela manhã, com o Fanfarra Black Clube, na escadaria da Lavradio e se estendeu até a noite, quando uma multidão se encontrou no Boitolo, na Avenida Marechal Âncora.

Também desfilaram o Cordão da Bola Laranja, que saiu da Cinelândia para encontrar o Vem Cá, Minha Flor, no Buraco do lume.

A Orquestra Voadora se concentrou na Praça Marechal Âncora. No Obelisco da Av. Primeiro de Março, a folia ficou por conta do Maracutaia. O bloco Mulheres Rodadas saiu do Boulevard Olímpico.

O Me Enterra na Quarta saiu do MAM para encontrar o Cordão do Boi Tolo, na Praça 15. Na Praça Mauá, o Bésame Mucho comendou a folia.

O carnaval antecipado tem ainda o Bloco do Afrojazz, o Multibloco, Locomotiva da Baixada, Buquínis de Ogodô, Trombetas Cósmicas do Jardim Elétrico, o Traz a Caçamba e a Sinfônica Ambulante, nas barcas.

Bloco Mulheres Rodadas desfilou neste domingo no Centro (Foto: Fábio Fabato/Arquivo pessoal)Bloco Mulheres Rodadas desfilou neste domingo no Centro (Foto: Fábio Fabato/Arquivo pessoal)

Bloco Mulheres Rodadas desfilou neste domingo no Centro (Foto: Fábio Fabato/Arquivo pessoal)